fbpx
 Campanha ‘Obrigado por cuidar de nós’ homenageia forças de segurança

O desafio é gerar oportunidade para que os jovens sejam incentivados a construir uma imagem positiva da segurança pública e para que os profissionais se sintam inspirados em suas atuações.

Uma imensa quantidade de jovens ainda sonha com a carreira militar. Algumas crianças não contêm as lágrimas de felicidade ao avistar uma viatura, outros são presenteados por meio dos pais, com o comparecimento de um soldado em suas celebrações de aniversário. Esses fatores contribuem para a construção de uma visão positiva e heroica daqueles responsáveis por manter a segurança territorial.

Andar de viatura, operar o rádio comunicador, a sirene, o giroflex e o alto falante fazem parte do sonho destes pequenos, que desejam utilizar a boina, ter uma festa decorada com o tema militar e até mesmo uma reprodução da farda feita sob medida. “Neste momento em que a categoria trabalha de forma intensa auxiliando os poderes para que os decretos sejam cumpridos de forma ordeira, esse carinho das crianças, incentivada pelos pais, contribui absolutamente para renovar a esperança da corporação. Estamos com vários agentes exaustos, com transtornos psicológicos e físicos, não só nas circunstâncias atuais, mas o fator social de pandemia tem agravado ou colocado à tona a realidade desta categoria que registra um dos maiores número de óbitos em decorrência da covid-19 no país. Quem já passou pela experiência de ser surpreendido pela presença de uma guarnição, garante que o carinho, a atenção e a realização deste sonho com tanto zelo, é uma lembrança que jamais será esquecida”, salienta o vereador T. Coronel Paccola.

Na Capital, o parlamentar tem contribuído de modo estratégico para que as forças de segurança sejam vacinadas ainda nesta fase, uma vez que estes não tiveram descanso desde o surto da doença. Na última semana, o início da vacinação foi adiado e a promessa de imunizar 800 agentes diariamente não foi cumprida. “Eu quero acreditar em dias melhores. Apesar de todos os empecilhos logísticos, a vacinação foi iniciada, e vamos continuar trabalhando para fazer parte da solução, mas jamais do problema. Esta campanha desafia todos que acreditam em dias melhores e que querem plantar uma semente de incentivo e amor por aqueles que são a primeira barreira para que possamos continuar seguros”, diz. 

Normalmente associada à ação para aplicação da lei, a atividade policial tornou- se mais abrangente. Além da preservação da lei e da ordem, a polícia tem incluído outras atividades ao longo dos anos, como o socorro em situações de acidente ou catástrofes, o planejamento e organização urbana, a educação de menores e até mesmo a assistência social através de vários projetos realizados pela corporação.

Apesar dos incentivos, alguns pais utilizam a categoria de forma negativa, ameaçando seus filhos com a mensagem de que o policial irá puni-lo ou prendê-lo para que obedeçam suas ordens. “Os policiais são também linha de frente contra a criminalidade, mas são seres humanos com coração e com desejo de poder voltar para casa e abraçar sua família. O principal motivo desta campanha é trazer consciência para algumas destas crianças que imaginam ou que já tiveram experiências negativas com os profissionais da entidade”, finaliza Paccola.

Envie seu vídeo para (65)99217-2123 e marque @t.coronelpaccola nas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?