fbpx
 Vereador T. Coronel Paccola cita Família e valorização da pátria em sua primeira sessão ordinária

Líder do Partido na Câmara Municipal de Cuiabá pelo Cidadania, vereador agradece parlamentares precedentes de seu mandato.

Os seis minutos disponíveis para cada líder partidário na primeira sessão preparatórias de abertura dos trabalhos da Câmara Municipal de Cuiabá de 2021 foram quase inábeis para a mensagem pronunciada pelo vereador T. Coronel Paccola que desempenha seu primeiro mandato. Após saudar o presidente da mesa e todos os presentes, o parlamentar disse que espera uma convivência ordeira para que a população tenha orgulho de todos que compõem a casa de leis, que representam as comunidades e que defendem suas ‘bandeiras’, mas que se decepcionou com a mensagem do executivo, e reforçou que os discursos dos parlamentares não sejam desassociados das ações.

“Eu esperava que o secretário hoje trouxesse uma mensagem diferente: não ao populismo, não ao politicamente correto, e que sua mensagem anunciasse um programa de aceleração do crescimento econômico, algumas isenções de tributos, como do Imposto Sobre Serviços (ISS) e demais taxas, principalmente das pessoas mais necessitadas, dos micros e pequenos empreendedores, empresários que estão em processo de falência em virtude da pandemia de nível mundial”, declarou Paccola.

O líder do Cidadania também sugeriu que o compromisso dos vereadores deve ser pela valorização dos bons servidores públicos, descravizando as pessoas que hoje acabam dependendo de indicações ou cargos comissionados, para um fortalecimento dos bons serviços prestados por aqueles que compõem os poderes: legislativo e executivo do município.

“Vamos atuar como fiscalizadores do dinheiro do contribuinte, pois o sistema público não existe sem o privado, se nós estamos aqui, se temos esta estrutura, é porque existe o setor privado, que produz, que gera emprego, gera renda, que dá suporte. Precisamos apoiar este que é o melhor programa de assistência social: a geração de emprego e renda”, declara.

Como militar estrategista Paccola diz que irá atuar na educação política, incentivo ao combate a corrupção, na educação financeira e empreendedorismo da população.

“Não posso deixar de lembrar três pessoas que deixaram um grande legado de ensino político que procuro desenvolver. Agradeço ao Felipe Wellaton, Abílio Brunini e Marcelo Bussiki. Minha missão é honrar a Deus, valorizar a pátria, dignificar a família e defender a liberdade, Força e Honra a Todos”, finaliza o vereador. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?